segunda-feira, 13 de julho de 2009

Oeiras Dead!09

Balanço do festival Oeiras Alive!09: a carne da barraca "A Tachadinha" é muito tenra e a senhora é generosa a servir as doses. Ah, e peçam no prato, não comam no pão.

5 comentários:

RS disse...

Inês, viste o Chris Cornell? Nos Soundgarden era o melhor vocalista da "Seattle Scene" do início dos anos 90, talvez a par do infeliz Andy Wood dos Mother Love Bone, e claramente à frente do Eddie Vedder e do Laney, dos AIC.

De férias "nos Algarves" fiquei cheio de pena de perder o ex-Soundgarden em Lx... Mas enfim, outros valores se levantavam.

Happinêss disse...

Vi, sim! E te digo que foi o que mais gostei de ver! Ele tem uma presença fenomenal, uma voz única. O problema é o novo álbum é muito fraco, arriscou-se com produtores do cenário hip hop... imagina! Mas ele tem uma presença brutal! Tocou os clássicos das bandas por onde passou e tudo ficou doido com "Blackhole Sun"!

RS disse...

há uma canção dos soundgarden em que o cornell parte a loiça toda: chama-se "birth ritual" e está na banda sonora do "singles" de 1992. aliás, durante o filme aparecem imagens de um concertos deles, no SoDo de Seattle (se não estou errado), precisamente ao som deste "birth ritual".

inveja de não ter visto...

Anónimo disse...

Nes, vá lá, volta a escrever aqui qualquer coisinha. Já tenho saudades.
Beijo

Mónica

leila disse...

Livra, já está o Alive 2010 à porta e nada de novos posts!
Toca a postar, xôra professôra! :)